Institucional

A REDE NACIONAL DE ADOLESCENTES E JOVENS VIVENDO COM HIV/AIDS (RNAJVHA) é uma organização nacional, sem vínculo político partidário e religioso, constituída por adolescentes e jovens entre 12 e 29 anos, com sorologia positiva para o vírus HIV, atuando na inclusão social, na promoção do fortalecimento biopsicossocial e do protagonismo destes, independente do gênero, orientação sexual, credo, raça, cor, etnia ou nacionalidade.

A RNAJVHA pretende, em relação aos AJVHA (Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids):
• Proporcionar espaço de trocas de experiências, ajuda mútua, estímulo à adesão ao tratamento e melhoria da autoestima;
• Incentivar e promover o protagonismo juvenil, a participação social e a inclusão social em todas as esferas;
• Promover o acesso contínuo e específico ao tratamento de qualidade e humanizado;
• Estimular o planejamento e a execução de uma trajetória de vida segura e autônoma, promovendo o conhecimento e resgate de sua própria história;
• Garantir o acesso à informação sobre tratamento, adesão, promoção da saúde, prevenção e sobre seus direitos;
• Fomentar e apoiar iniciativas que garantam o direito a convivência familiar e comunitária respeitosa e livre de qualquer tipo de preconceito;
• Fomentar a qualidade de vida através do bem estar físico, psicológico e social; do exercício pleno e autônomo da cidadania e das suas potencialidades;
• Garantir seus direitos sexuais e reprodutivos;
• Buscar o acesso e a continuidade a uma educação de qualidade;
• Garantir a efetivação dos direitos humanos, de políticas relacionadas à juventude e do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Seu trajeto embrionário data dos anos de 2001 e 2002 que, através de ONGs parceiras, que acreditavam haver um novo ativismo pulsando e, através de foruns, palestras e seminários deu início a esta ideia. Nos anos seguintes alguns encontros pontuais foram estabelecidos com adolescentes e jovens, mas em 2006 tem início, concretamente, a escrita desta história do ativismo da terceira década da epidemia, através do I Encontro Nacional de Jovens Vivendo com HIV/Aids (ENJVHA) no RJ.

Nos anos seguintes sucederam o II ENJVHA, em Salvado/BA (2007), III ENJVHA, em Belo Horizonte/MG (2008), em que ainda tínhamos o apoio e suporte de muitos adultos na coordenação e organização destes eventos.

Contudo, em 2009, no IV ENAJVHA (2009), em Curitiba/PR o evento já fora coordenado e organizado apenas pelos jovens ativistas da RNAJVHA, tendo sido convidado, por eles, apenas alguns adultos que, pontualmente, os ajudaram na construção da agenda do evento.

Cabe ressaltar que formalmente a RNAJVHA foi constituída e legitimada neste IV Encontro, como também foi estimulada a criação de REDES ESTADUAIS DE ADOLESCENTES E JOVENS VIVENDO COM HIV/AIDS (REAJVHA), ampliando a participação da juventude positiva em seus locais de residência/domicílio/tratamento.

No ano de 2010, com o progressivo aumento das participações das Redes locais, foram realizados os Encontros Regionais dos Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids, fortalecendo, ainda mais, a ideia forjada nos anos anteriores.

Hoje a RNAJVHA é um espaço legítimo de ativismo e militância do adolescente e jovem vivendo com HIV/Aids no Brasil.

Nossa MISSÃO é “Apoiar e unir os adolescentes e jovens vivendo com HIV/Aids, bem como elaborar e implementar respostas, ações e políticas públicas contra os estigmas e impactos do HIV/AIDS para os mesmos”. (Carta de Princípios da RNJVHA)